Como traduzir arquivos .itd (SDLx) no memoQ

Por Pricila Reis Franz em 26. Jul, 2011 | Tradução | 6 Comments on Como traduzir arquivos .itd (SDLx) no memoQ

O terceiro post da série “Liberdade de escolha do tradutor” é especial, pois é uma contribuição do colega tradutor William Cassemiro. Faz tempo que traduzo no memoQ arquivos com a extensão .ITD (próprios para serem traduzidos no programa SDLx) fazendo um processo simples* e até hoje nunca recebi nenhuma reclamação, MAS o William avisou que dessa maneira pode dar algum erro na hora em que o cliente faz a conversão final do arquivo:

“O arquivo .itd gerado dessa forma pode parecer idêntico ao original, mas o cliente não conseguirá gerar o arquivo final. Nas propriedades desse arquivo convertido será mantido o formato TTX (SDL Edit > File > Properties > Original file type) e não XLM ou Generic Delimited e isso causará um erro.”

Por isso, transcrevo abaixo como traduzir arquivos ITD sem ter perigo de ter dor de cabeça. Muito obrigada, William, por ter compartilhado as etapas com a gente!

Arquivos ITD no memoQ (William)

Conversão do arquivo (.itd > .ttx):

1 – Abra o SDLX

2 – Abra o SDL Exchange (botão direito no ícone do SDLX)

SDL Exchange

SDL Exchange

3 – Selecione Convert SDLX to TagEditor

4 – Selecione o arquivo .itd a ser convertido

5 – Clique em OK; o arquivo .ttx será salvo no mesmo diretório em que está o .itd

6 – Feche o Exchange

Conversão da TM (.mdb > .tmx):

1 – Abra o SDL Maintain (botão esquerdo no ícone do SDLX)

SDL Maintain - para exportar a TM

SDL Maintain - para exportar a TM

2 – Abra a TM .mdb no Maintain

3 – Clique em TM > Export > TMX Format

4 – Clique em Avançar até chegar à tela em que deve ser informado o local para salvar a TM

5 – Indique o diretório no qual o arquivo TMX será salvo

6 – Deixe o File Format em Unicode e clique em Concluir

7 – Após a TM ser exportada, feche o SDL Maintain

Pré-segmentação do arquivo TTX:

1 – Abra o Translator Workbench

2 – Crie uma nova TM

3 – Importe a TMX criada no passo anterior

4 – Selecione Tools > Translate…

5 – Selecione o arquivo .ttx criado

6 – Selecione “Segment unknown sentences” e “Don’t” nas outras duas opções

7 – Clique em Translate

8 – Feche o Translator Workbench

No memoQ:

1 – Crie o projeto normalmente

2 – Use Add document as para importar o .ttx pré-segmentado para o projeto

3 – Crie uma TM e importe a TMX para essa nova TM

4 – Inclua os TBs, se houver

5 – Traduza normalmente, mas EVITE UNIR OU SEPARAR SEGMENTOS. Isso pode dificultar na aplicação da TM ao itd

6 – Após concluir a tradução e revisão, exporte a TM, em formato TMX

Atualização da TM original

1 – Abra o SDL Maintain

2 – Abra a TM original .mdb

3 – Clique em TM > Import > TMX format files

4 – Selecione o arquivo TMX exportado pelo memoQ

5 – Clique em Avançar nas duas telas seguintes

6 – Deixe a opção “Overwrite the existing translation segment” selecionada e clique em Concluir

7 – Se for solicitado, selecione os idiomas a serem indexados e clique em OK

8 – Salve a TM e feche o programa

Aplicação da TM no arquivo ITD original

1 – Abra o arquivo .itd original no SDL Edit

SDL Edit

SDL Edit

2 – Selecione a TM original atualizada no passo anterior

3 – Aplique essa TM com o Minimum Match Value em 99%

4 – Execute o QA Check e, se for necessário, corrija o Format Paint

5 – Salve o arquivo e mande-o para o cliente. 😀

======================

* AVISO: abaixo descrevi como fazia a tradução antes. Se você quiser seguir estes passos, é POR SUA CONTA E RISCO. 😉

1 – Abra o SDL Exchange, selecione Convert SDLX to TagEditor e escolha o arquivo .itd a ser convertido. 

2 – No SDL Maintain, abra a TM .mdb e clique em TM > Export > TMX Format

3 – Abra o arquivo .ttx para tradução no memoQ e importe o arquivo .tmx para uma TM nova. Traduza o arquivo normalmente, mas NÃO UNA OU SEPARE SEGMENTOS. Além disso, não se esqueça de incluir todas as tags de formatação que aparecem no arquivo de origem.

4 – Abra o SDL Exchange, selecione Harvest TagEditor from SDLx e selecione o arquivo .ttx a ser convertido novamente

5 – Feche o Exchange e abra o arquivo .itd no Edit. Verifique se está tudo ok e se as cores de formatação estão corretas. Prontinho!

======================

Encerrando a série (pelo menos por enquanto!), no próximo post explicarei como traduzir arquivos .tbulic11 (Passolo) no memoQ.

Tags: , , , , , , ,

6 Comentários

  1. Roberto Bechtlufft says:

    Ótimo post, foi muito útil em uma tradução que entreguei hoje. Thanks a lot!

  2. Akinyemi says:

    Excellent goods from you, man. WinAlign Operation Manual (Parte2…a0) | CCJK Localization Blog I’ve understand your stuff urovieps to and you are just too great. I actually like what you have acquired here, really like what you are stating and the way in which you say it. You make it enjoyable and you still care for to keep it sensible. I cant wait to read far more from you. This is really a tremendous WinAlign Operation Manual (Parte2…a0) | CCJK Localization Blog informations.

  3. Daniel says:

    Olá! Como sou novato em Trados, achei complicado esse procedimento e comecei a fazer pelo próprio Trados. No entanto, achei uma opção no meu Trados 2011 para exportar Package que tem a extensão “.sdlppx” sendo possível abrir no MemoQ. Já traduzi documentos no MemoQ usando package de Trados e não reclamaram… Será que dá certo também colocar o arquivo “.itd” num package e abrir no MemoQ?

    • pricila says:

      Daniel, esse post é antigo, acho que agora já dá para fazer isso. Você tentou? Conte aqui se deu certo ou não. 😉

    • Roxanna says:

      Quentin complot est ourdi, C’Hamtarode de démasquer l&ig217;inst#8ateur, je Nathend qu’une preuve Inèspérée pour qu’on leur Colin procès, Sylvioulaient que ça passe inaperçu, Benjavoue que c’est raté, Pat chance : ATP, rusé renard Faux-cUl, lysse tes moustaches, le combat va commencer, l’ATP, nous pouvons faire sans El, marre de de ces magouilles et tours de prestidiDjitation, par le Krist, Y’en a assez, organisation remplie de Fiel, dogmatique et magouilleuse, prépares-toi à recevoir l’ire de Guillaume, William et Concombre!!

  4. Essa dica é excelente, muito obrigada 🙂

Comente!